Search

+
Programa de Saúde Sintético

DISCIPLINA I

Introdução à Logoterapia: Viktor Frankl, vida e obra; Fundamentos filosóficos e psicológicos

I.1 – Apresentação do curso e dos alunos:

I.2 – Viktor Frankl médico e filósofo: uma vida plena de sentido

Frankl, neuropsiquiatra, psicólogo e filósofo

Coerência de vida

Estratégias de sobrevivência.

Princípios de vida de Viktor Frankl

I.3 – Medicina orientada ao sentido.

Uma visão geral da aplicação do pensamento de Frankl à atuação médica.

A unidade do homem e o pluralismo das ciências.

I.4 – O homem em busca de sentido

O que se entende por sentido

A Medicina e a busca de sentido

I.5 – Fundamentos filosóficos do pensamento frankliano

Raízes do pensamento frankliano

Bases do Existencialismo e do Personalismo e a relação com a Logoterapia

Na fronteira entre a psicoterapia e a filosofia

I.6 – Fundamentos psicológicos do pensamento frankliano

Sigmund Freud, Alfred Adler, Ludwig Binswanger, Rudolph Allers, Oswald Schwarz

Base do Humanismo e da Fenomenologia e a relação com a Logoterapia.

Relação da Logoterapia com outras abordagens.

DISCIPLINA II

Antropologia e ontologia frankliana

II.1Evolução do pensamento antropológico

II.2 – Antropologia médica em Frankl.

A antropologia como terapia

Análise Existencial como antropologia psicoterapêutica

II.3 – Antropologia e ontologia frankliana

Conceito de pessoa

Ontologia dimensional

Pilares do pensamento frankliano: – Liberdade da vontade; Vontade de sentido e Sentido da vida.

As dez teses da pessoa humana segundo Frankl

II.4 Homo Patiens

Do automatismo à existência – crítica ao niilismo

Da negação à interpretação do sentido

Da autonomia à transcendência

DISCIPLINA III

Psicologia do desenvolvimento e estudo da personalidade à luz da Logoterapia

III.1 – Psicologia do desenvolvimento à luz da Logoterapia

Da vida pré-natal à vida escolar.

Adolescência

Vida adulta e envelhecimento

III. 2 – Estudo da personalidade

Fatores que interferem no desenvolvimento da personalidade

Desenvolvimento da personalidade humana

Temperamento, caráter e personalidade.

Noodinâmica

Maturidade: elementos básicos para uma personalidade integrada

DISCIPLINA IV

Vontade de sentido; Vazio existencial e repercussões na saúde

IV.1 – Vontade de sentido

Teoria da motivação em Frankl

Orientação natural para realizar valores

IV.2 – Autotranscendência

Para além da autorrealização e da autoexpressão A autotranscendência como um fenômeno humano

IV.3 – Frustração da Vontade de sentido, vazio existencial e repercussões na saúde

Frustração da Vontade de sentido e Vazio existencial

Vazio existencial e trastornos mentais

Neuroses coletivas da nossa época

Tríada trágica positiva e negativa

DISCIPLINA V

Sentido da vida e valores; Sentido do trabalho; Sentido do amor; Sentido do sofrimento

V.1 – Consciência

Consciência: órgão do sentido

Análise existencial da consciência

A qualidade transcendente da consciência

V.2 – Sentido da vida

Sentido na vida, da vida, do mundo.

Caminhos para descobrir o sentido

A vida no seu caráter de missão

V.3 – Valores

Subjetivismo e relativismo

Valores criativos, vivenciais e de atitude

V.4 – Sentido do trabalho

Sentido do trabalho: “o cansaço dos bons” – burnout em profissionais da saúde

Neurose dominical

Aposentadoria

V.5 – Sentido do sofrimento

Sentido do sofrimento – Resiliência

Crescimento pós-traumático

O médico e o profissional de saúde diante do sofrimento

V.6 – Sentido do amor

Afetividade, sexualidade, eroticidade, amor

Irrepetibilidade e “caráter de algo único”

O horizonte do ‘ter’

Valor e prazer

A desumanização do sexo

O amadurecimento sexual

Bioética personalista

DISCIPLINA VI

Logoterapia e Análise Existencial aplicada à área da saúde

VI.1 – Experiências inovadoras de aplicação da LAE na área da saúde:

Ajudando crianças com câncer

LAE no ambiente carcerário

Logoterapia aplicada ao envelhecimento

Análise tridimensional dos sonhos.

Cuidando de quem cuida.

VI.2 – O modo humano de enfermar

VI.3 – Neuroses noogênicas –

Logoterapia como terapia específica das neuroses noogênicas

VI.4 – Logoterapia como terapia inespecífica

VI.5 – Considerações logoterapêuticas sobre as dependências

VI.6 – Sentido da vida na prevenção do comportamento autodestrutivo

VI.7 – Perspectivas da logoterapia clínica

VI.8 – O médico como “cura de almas

DISCIPLINA VII

Espiritualidade, finitude e responsabilidade

VII. 1 – Espiritualidade

O inconsciente espiritual

Religiosidade inconsciente

Suprassentido e os limites da Ciência

Espiritualidade e saúde

VII. 2 – Finitude e responsabilidade

Cuidados paliativos e logoterapia – o modo humano de morrer.

Buscando sentido na morte e no luto.

O ser humano em busca de um sentido último

Posted in: Pós-Graduação
const url = window.document.URL const metadata = document.querySelector('.tt-post') function removeMeta(url) { console.log(url) console.log(metadata) } removeMeta(url)